Por que é importante fazer inspeções subaquáticas em túneis hidráulicos?

As respostas a essa pergunta são múltiplas. Vamos analisar as principais razões:

  • Econômica/financeira: drenar um túnel de adução de uma hidrelétrica acarreta um altíssimo prejuízo econômico. Para drenar, executar uma inspeção com pessoas e retomar as operações de geração de energia em um túnel de 2 quilômetros de comprimento, por exemplo, são necessários, no mínimo, 6 dias, tempo em que a hidrelétrica deixa de gerar energia e, portanto, não gera receita. Suponhamos que a potência garantida por essa hidrelétrica seja de 2,5MW/h; o prejuízo seria de 360MW.
  • Segurança do trabalho em caso de inspeção realizada por equipe: após esvaziamento do túnel, a inspeção deve ser conduzida por pessoas. Essa metodologia implica um alto risco de acidente, caso o túnel esteja em início de colapso, desplacamento, desmoronamento ou outros problemas.
  • Segurança da estrutura: a falta repentino da pressão hidrostática da água pode causar desplacamentos, desmoronamentos ou colapsos, caso o túnel apresente anomalias estruturais, infiltrações ou rebaixamento da falda freática. Em caso de colapso, seriam necessários vários meses de trabalho para restaurar as operações de geração de energia, acarretando um gasto enorme com a obra de reparação e um prejuízo colossal com a interrupção da operação. Vejam esse caso da AES: https://www.tunneltalk.com/Panama-hydro-Dec11-Esti-headrace-under-repair.php.

Por que é importante fazer inspeções subaquáticas em túneis? Veja um vídeo explicativo

Saiba mais sobre inspeções ROV em túneis de adução nesse link


Entre em contato com a gente, teremos o maior prazer em lhe apresentar nossos serviços em detalhes e lhe propor a solução mais pratica, eficaz e econômica para atender sua necessidade.